Na era digital, onde a atenção é disputada a cada segundo, é ainda mais importante que as marcas apliquem estratégias de comunicação para conquistar e manter seu espaço. É aí que entra a comunicação corporativa — e, mais especificamente, o storytelling corporativo.

A seguir, vamos explorar um pouco sobre essa técnica adotada pelas maiores e mais bem-sucedidas empresas do mundo, com o objetivo de cativar a audiência e estabelecer conexões significativas.

Siga adiante com a leitura para entender como utilizar esse recurso a favor da sua marca!

Storytelling como uma poderosa ferramenta de comunicação

Se engana quem pensa que essa técnica é nova e surgiu há pouco tempo. Storytelling nada mais é do que um elemento básico da existência humana: a arte de contar histórias. 

O storytelling corporativo é a aplicação desse método para a comunicação das marcas. A técnica busca atrair a atenção do público apelando para seus sentimentos e emoções, transmitindo mensagens e significados através de uma narrativa envolvente.

Uma audiência que se conecta com a história contada, também é a audiência que engaja, participa e compra.

Confira algumas vantagens de aplicar o storytelling corporativo na sua estratégia de marca:

  • desperta interesse sobre sua empresa;
  • gera empatia e conexão;
  • traz a possibilidade de adaptar a técnica a inúmeras situações;
  • ajuda a construir um relacionamento duradouro com o público;
  • promove a identidade da marca, fazendo com que sua empresa seja reconhecida e lembrada.

O método de sucesso das gigantes do marketing

Não é de hoje que grandes empresas utilizam o storytelling corporativo para conectar-se com o público de forma profunda e pessoal. Elas aproveitam o poder dessa técnica para cativar a audiência e solidificar suas marcas.

Com os exemplos a seguir, você vai entender como o storytelling permeia toda a identidade de marcas que fazem parte constante da vida das pessoas.

Apple

A empresa conhecida pela logo de maçã, por exemplo, aplica narrativas que giram em torno de desafios e novidades, além da característica premium dos produtos. Uma de suas campanhas trouxe o slogan “Think Different” — “Pense Diferente” — e mostrou grandes personalidades do século XX, como Albert Einstein e Martin Luther King, para comunicar que seus produtos são mais que tecnologia, simbolizam a criatividade e a inovação.

Coca-Cola

Um grande exemplo de storytelling, de uma forma simples e eficaz, a Coca-Cola se comunica não como um refrigerante, mas como um ingrediente da felicidade. Por isso, em todas as suas campanhas e formas de contato com a audiência, a mensagem está sempre ali: família, amor e união.

Dove

Ao direcionar sua marca à beleza e autoestima de mulheres, a Dove também adota o storytelling para transmitir sua visão, missão e valores ao público. Para isso, essa história sempre está sendo contada quando se comunica com a sua audiência, como em uma de suas campanhas mais conhecidas: “Retratos da Real Beleza”.

Elementos-chave de uma boa história

Personagens cativantes

No mundo do storytelling corporativo, os personagens são os embaixadores da marca. Eles personificam os valores, a missão e a visão da empresa, permitindo que o público se identifique e se conecte emocionalmente.

Conflito e jornada

A trajetória de qualquer empresa é marcada por desafios e conquistas. Ao incorporar conflitos superados e jornadas emocionantes em suas histórias, as empresas podem transmitir sua resiliência e capacidade de enfrentar adversidades.

Resolução significativa

Uma história impactante não apenas retrata desafios, mas também oferece resoluções significativas. As resoluções podem ser tanto conquistas tangíveis quanto lições aprendidas. 

Aplicação do storytelling corporativo em diferentes formatos

Vídeos

Utilizar o audiovisual para transmitir histórias pode ser uma estratégia envolvente. Eles permitem combinar elementos visuais, música e narrativa em uma experiência imersiva. 

Artigos

Para públicos que buscam informações detalhadas, artigos bem escritos oferecem a oportunidade de explorar histórias em profundidade. A Warby Parker, famosa por seus óculos de design acessíveis, utiliza artigos em seu blog para narrar a jornada de produção e os materiais de alta qualidade de seus produtos.

Infográficos

Para transmitir informações complexas de maneira acessível, infográficos coloridos e ilustrativos são uma escolha eficaz e que também vão comunicar a sua identidade de marca.

Posts nas mídias sociais

O espaço das redes sociais é perfeito para histórias curtas, mas impactantes. Com uma estratégia bem pensada, é possível produzir conteúdo de forma envolvente e incentivar os seguidores a engajar com sua marca.

 

Dicas práticas para criar histórias cativantes

A estratégia do storytelling corporativo não se limita às grandes marcas já consolidadas no mercado. É possível recorrer à técnica para se comunicar com seu público, mesmo que ele ainda seja pequeno ou focado na audiência local.

Separamos dicas para que você crie narrativas cativantes e comece a utilizar o storytelling corporativo para se comunicar com seu público.

Conheça seu público-alvo

Compreender as necessidades e interesses do seu público é crucial. Isso permite que você adapte sua história para ressoar com os valores e desejos da audiência.

Defina objetivos claros

Antes de começar a criar sua história, estabeleça seus objetivos. Você deseja inspirar, educar ou entreter? Definir seus objetivos ajudará a direcionar a narrativa e ela será mais eficaz.

Utilize elementos visuais e emocionais

Imagens impactantes e elementos emocionais tornam as histórias mais memoráveis. Utilize recursos visuais e emocionais para transmitir mensagens de maneira poderosa à sua audiência.

Hora de aplicar o storytelling corporativo

Você agora já conhece o poder de utilizar o storytelling corporativo na comunicação da sua marca, para criar conexões verdadeiras e duradouras com seu público. Ao aplicar o storytelling em diversos formatos – desde grandes campanhas até posts nas redes sociais – as empresas podem maximizar seu alcance e impacto.

Quer saber mais sobre comunicação corporativa e como pode alavancar suas estratégias? Confira este blog post sobre o que é conteúdo humanizado e como aplicar na sua marca.

Sobre o autor: Ângela Bezerra

Diretora da Letra A Comunicação, Ângela Bezerra é jornalista formada pela UFRN com MBA em Marketing Estratégico e é mestra em Antropologia pela UFRN. Trabalhou como repórter na Inter TV Cabugi (afiliada da Rede Globo) por 10 anos e lecionou como professora convidada na pós-graduação em Assessoria de Imprensa da Estácio. Atua há mais de 20 anos com assessoria de comunicação.

Assine a newsletter da Letra A e receba nossos conteúdos em primeira mão!

* indicates required

Intuit Mailchimp

Na era digital, onde a atenção é disputada a cada segundo, é ainda mais importante que as marcas apliquem estratégias de comunicação para conquistar e manter seu espaço. É aí que entra a comunicação corporativa — e, mais especificamente, o storytelling corporativo.

A seguir, vamos explorar um pouco sobre essa técnica adotada pelas maiores e mais bem-sucedidas empresas do mundo, com o objetivo de cativar a audiência e estabelecer conexões significativas.

Siga adiante com a leitura para entender como utilizar esse recurso a favor da sua marca!

Storytelling como uma poderosa ferramenta de comunicação

Se engana quem pensa que essa técnica é nova e surgiu há pouco tempo. Storytelling nada mais é do que um elemento básico da existência humana: a arte de contar histórias. 

O storytelling corporativo é a aplicação desse método para a comunicação das marcas. A técnica busca atrair a atenção do público apelando para seus sentimentos e emoções, transmitindo mensagens e significados através de uma narrativa envolvente.

Uma audiência que se conecta com a história contada, também é a audiência que engaja, participa e compra.

Confira algumas vantagens de aplicar o storytelling corporativo na sua estratégia de marca:

  • desperta interesse sobre sua empresa;
  • gera empatia e conexão;
  • traz a possibilidade de adaptar a técnica a inúmeras situações;
  • ajuda a construir um relacionamento duradouro com o público;
  • promove a identidade da marca, fazendo com que sua empresa seja reconhecida e lembrada.

O método de sucesso das gigantes do marketing

Não é de hoje que grandes empresas utilizam o storytelling corporativo para conectar-se com o público de forma profunda e pessoal. Elas aproveitam o poder dessa técnica para cativar a audiência e solidificar suas marcas.

Com os exemplos a seguir, você vai entender como o storytelling permeia toda a identidade de marcas que fazem parte constante da vida das pessoas.

Apple

A empresa conhecida pela logo de maçã, por exemplo, aplica narrativas que giram em torno de desafios e novidades, além da característica premium dos produtos. Uma de suas campanhas trouxe o slogan “Think Different” — “Pense Diferente” — e mostrou grandes personalidades do século XX, como Albert Einstein e Martin Luther King, para comunicar que seus produtos são mais que tecnologia, simbolizam a criatividade e a inovação.

Coca-Cola

Um grande exemplo de storytelling, de uma forma simples e eficaz, a Coca-Cola se comunica não como um refrigerante, mas como um ingrediente da felicidade. Por isso, em todas as suas campanhas e formas de contato com a audiência, a mensagem está sempre ali: família, amor e união.

Dove

Ao direcionar sua marca à beleza e autoestima de mulheres, a Dove também adota o storytelling para transmitir sua visão, missão e valores ao público. Para isso, essa história sempre está sendo contada quando se comunica com a sua audiência, como em uma de suas campanhas mais conhecidas: “Retratos da Real Beleza”.

Elementos-chave de uma boa história

Personagens cativantes

No mundo do storytelling corporativo, os personagens são os embaixadores da marca. Eles personificam os valores, a missão e a visão da empresa, permitindo que o público se identifique e se conecte emocionalmente.

Conflito e jornada

A trajetória de qualquer empresa é marcada por desafios e conquistas. Ao incorporar conflitos superados e jornadas emocionantes em suas histórias, as empresas podem transmitir sua resiliência e capacidade de enfrentar adversidades.

Resolução significativa

Uma história impactante não apenas retrata desafios, mas também oferece resoluções significativas. As resoluções podem ser tanto conquistas tangíveis quanto lições aprendidas. 

Aplicação do storytelling corporativo em diferentes formatos

Vídeos

Utilizar o audiovisual para transmitir histórias pode ser uma estratégia envolvente. Eles permitem combinar elementos visuais, música e narrativa em uma experiência imersiva. 

Artigos

Para públicos que buscam informações detalhadas, artigos bem escritos oferecem a oportunidade de explorar histórias em profundidade. A Warby Parker, famosa por seus óculos de design acessíveis, utiliza artigos em seu blog para narrar a jornada de produção e os materiais de alta qualidade de seus produtos.

Infográficos

Para transmitir informações complexas de maneira acessível, infográficos coloridos e ilustrativos são uma escolha eficaz e que também vão comunicar a sua identidade de marca.

Posts nas mídias sociais

O espaço das redes sociais é perfeito para histórias curtas, mas impactantes. Com uma estratégia bem pensada, é possível produzir conteúdo de forma envolvente e incentivar os seguidores a engajar com sua marca.

 

Dicas práticas para criar histórias cativantes

A estratégia do storytelling corporativo não se limita às grandes marcas já consolidadas no mercado. É possível recorrer à técnica para se comunicar com seu público, mesmo que ele ainda seja pequeno ou focado na audiência local.

Separamos dicas para que você crie narrativas cativantes e comece a utilizar o storytelling corporativo para se comunicar com seu público.

Conheça seu público-alvo

Compreender as necessidades e interesses do seu público é crucial. Isso permite que você adapte sua história para ressoar com os valores e desejos da audiência.

Defina objetivos claros

Antes de começar a criar sua história, estabeleça seus objetivos. Você deseja inspirar, educar ou entreter? Definir seus objetivos ajudará a direcionar a narrativa e ela será mais eficaz.

Utilize elementos visuais e emocionais

Imagens impactantes e elementos emocionais tornam as histórias mais memoráveis. Utilize recursos visuais e emocionais para transmitir mensagens de maneira poderosa à sua audiência.

Hora de aplicar o storytelling corporativo

Você agora já conhece o poder de utilizar o storytelling corporativo na comunicação da sua marca, para criar conexões verdadeiras e duradouras com seu público. Ao aplicar o storytelling em diversos formatos – desde grandes campanhas até posts nas redes sociais – as empresas podem maximizar seu alcance e impacto.

Quer saber mais sobre comunicação corporativa e como pode alavancar suas estratégias? Confira este blog post sobre o que é conteúdo humanizado e como aplicar na sua marca.

Sobre o autor: Ângela Bezerra

Diretora da Letra A Comunicação, Ângela Bezerra é jornalista formada pela UFRN com MBA em Marketing Estratégico e é mestra em Antropologia pela UFRN. Trabalhou como repórter na Inter TV Cabugi (afiliada da Rede Globo) por 10 anos e lecionou como professora convidada na pós-graduação em Assessoria de Imprensa da Estácio. Atua há mais de 20 anos com assessoria de comunicação.

Postagens relacionadas

Voltar para o blog

Compartilhe

Comentários