Você realiza um trabalho diferenciado no seu mercado? Está sempre à frente no desenvolvimento de tecnologias e boas práticas? Ou tem autoridade sobre um determinado assunto que pode ser útil à comunidade de um modo geral? Tudo isso lhe credencia para participar de uma entrevista na TV.

Os programas jornalísticos das emissoras de TV costumam contar, em sua programação, com espaços para entrevistas ao vivo ou gravadas. Há também as reportagens, que é quando a equipe vai até um determinado local mostrar um fato. 

Ao surgir uma oportunidade assim, é fundamental que você esteja preparado para transmitir a mensagem que deseja de forma clara e objetiva. Mas, antes de passarmos algumas dicas para que isso aconteça, vamos começar falando como é possível que seu nome seja lembrado para dar uma entrevista na TV.

Como conseguir uma entrevista na TV

Conhecida por ser o mais poderoso meio de comunicação convencional, a TV oferece uma importante difusão de conteúdos, os mais diversos. E, mesmo com o grande avanço da internet, é o canal que está presente em todos os lares brasileiros, levando entretenimento e informação.

É sobre esse último item que vamos tratar: a informação. A principal matéria-prima dos programas jornalísticos. Todos os dias, as redações das emissoras de TV fervilham movidas pelos fatos que vão se desenrolando. 

A redação é composta essencialmente pela direção de jornalismo, editores, apresentadores, repórteres e pauteiros. A missão desses últimos é fazer a apuração dos fatos e, nas reuniões de pauta, apresentar sugestões para as edições dos telejornais.

Os pauteiros ou produtores trabalham triando as demandas levadas pelos espectadores, colegas e também pelas assessorias de imprensa. Por isso, contar com uma assessoria de imprensa é fundamental para a definição de estratégias para participar de uma entrevista na TV.

Você pode saber mais sobre o que faz um assessor de imprensa no texto:

O que é assessoria de imprensa? 

A assessoria de imprensa atua pesquisando assuntos que podem ser temas para uma possível entrevista ou reportagem de TV. É esse profissional que faz o contato com a emissora, oferecendo a sugestão de pauta. A demanda para a entrevista também pode surgir da emissora, caso o seu nome já seja conhecido. Mas para isso, há um longo caminho a percorrer. 

Além desse contato com a mídia, a assessoria também é responsável por acompanhar cada fase referente à entrevista na TV. Mas antes de chegar à entrevista propriamente dita, é fundamental estar preparado para esse momento.

Como se preparar para a entrevista na TV

Antes da entrevista, é importante ter conhecimento prévio sobre qual a temática que será abordada. Além de elaborar formas claras de passar sua mensagem, é necessário demonstrar domínio sobre a pauta. Por isso, a preparação te ajudará a ficar mais confortável frente às câmeras.

Seja natural enquanto fala e gesticula. Também é muito importante ter cuidado com a postura. Não deixe que a posição do seu corpo entre em discordância com o assunto discutido durante a entrevista. Uma dica para aliviar a tensão inicial é mentalizar um bate-papo com uma pessoa do seu dia a dia. 

Demonstre que você detém propriedade sobre o que fala, que você domina o assunto. Seja didático, para que sua mensagem seja entendida pelos mais diferentes perfis de espectadores. 

Há treinamentos específicos para incrementar a performance no contato com a imprensa. Você pode saber mais sobre isso lendo esse texto sobre Media Training.

Caso não tenha domínio sobre determinado assunto, não o ponha em pauta. Se você não sabe o que vai falar, melhor nem tentar. O  seu espectador precisa perceber segurança em sua mensagem: caso você não esteja seguro sobre ela, sua credibilidade entra em risco. E a possibilidade de você não ser chamado novamente para uma entrevista, também.

Além disso, preste muita atenção nas perguntas do entrevistador! Suas respostas dependem do direcionamento que o jornalista der à pergunta e, caso você não esteja atento, sua resposta será vazia ou destoante. 

Você pode alternar entre olhar para a câmera e para o jornalista. Olhando para a câmera você demonstrará interesse em falar “olho a olho” com o público. E olhando para o entrevistador estará mostrando atenção à pessoa com quem você fala naquele momento.

Como melhor responder em uma entrevista

Nas respostas, evite termos técnicos. Prefira falar de maneira clara, para que o telespectador não fique confuso e, muito menos, com dúvidas sobre a temática. Quanto mais difícil você fala, menos chance de prender a atenção do público você tem. Palavras muito rebuscadas tornam a conversa mais monótona.

Escolha exemplos e dados para dar veracidade ao que você está abordando. Seu argumento fica ainda mais rico com informações extras, além de transmitir um tom de credibilidade e de domínio sobre o assunto. 

Antes de responder, espere o jornalista dar a deixa. Não interrompa enquanto o repórter está falando. Além de fugir dos critérios da educação básica, essa atitude pode prejudicar a comunicação estabelecida previamente pelo profissional.

Como se apresentar para uma entrevista na TV?

Escolha um visual discreto, de modo que combine com o tema da entrevista, com o horário do programa e com o seu público-alvo. Evite cores com tons muito fortes, para não desviar a atenção de quem assiste. Opte por cores neutras e que combinem entre si. 

Ao final da entrevista, evite mencionar vínculos de amizade ou familiar com produtores ou diretores do veículo. Caso você cite a possível amizade, vai demonstrar que sua participação ali aconteceu por meio de barganha, e não por conta da sua credibilidade. 

Além disso, não peça o material ao repórter. É trabalho da assessoria de imprensa monitorar esse conteúdo por meio do clipping. Saiba mais sobre esse assunto aqui.  

Por fim, não exponha sua opinião pessoal durante a entrevista. Importante lembrar que você está sendo ouvido como um especialista no tema abordado. O que deve apresentar naquele momento são informações fundamentadas.

Dicas como essas são infalíveis para conquistar o tão sonhado sucesso em uma entrevista na TV. Para tanto, conte com o suporte de uma assessoria de imprensa eficaz e ponha em prática o que discorremos neste artigo. 

Para mais dicas assim, ou até mesmo sobre outras temáticas que dizem respeito às mais diferentes estratégias em comunicação, inscreva-se em nossa newsletter e acompanhe todos os conteúdos disponibilizados! 

 

Sobre o autor: Ângela Bezerra

Diretora da Letra A Comunicação, Ângela Bezerra é jornalista formada pela UFRN com MBA em Marketing Estratégico e é mestra em Antropologia pela UFRN. Trabalhou como repórter na Inter TV Cabugi (afiliada da Rede Globo) por 10 anos e lecionou como professora convidada na pós-graduação em Assessoria de Imprensa da Estácio. Atua há mais de 20 anos com assessoria de comunicação.

Assine a newsletter da Letra A e receba nossos conteúdos em primeira mão!

* indicates required

Intuit Mailchimp

Você realiza um trabalho diferenciado no seu mercado? Está sempre à frente no desenvolvimento de tecnologias e boas práticas? Ou tem autoridade sobre um determinado assunto que pode ser útil à comunidade de um modo geral? Tudo isso lhe credencia para participar de uma entrevista na TV.

Os programas jornalísticos das emissoras de TV costumam contar, em sua programação, com espaços para entrevistas ao vivo ou gravadas. Há também as reportagens, que é quando a equipe vai até um determinado local mostrar um fato. 

Ao surgir uma oportunidade assim, é fundamental que você esteja preparado para transmitir a mensagem que deseja de forma clara e objetiva. Mas, antes de passarmos algumas dicas para que isso aconteça, vamos começar falando como é possível que seu nome seja lembrado para dar uma entrevista na TV.

Como conseguir uma entrevista na TV

Conhecida por ser o mais poderoso meio de comunicação convencional, a TV oferece uma importante difusão de conteúdos, os mais diversos. E, mesmo com o grande avanço da internet, é o canal que está presente em todos os lares brasileiros, levando entretenimento e informação.

É sobre esse último item que vamos tratar: a informação. A principal matéria-prima dos programas jornalísticos. Todos os dias, as redações das emissoras de TV fervilham movidas pelos fatos que vão se desenrolando. 

A redação é composta essencialmente pela direção de jornalismo, editores, apresentadores, repórteres e pauteiros. A missão desses últimos é fazer a apuração dos fatos e, nas reuniões de pauta, apresentar sugestões para as edições dos telejornais.

Os pauteiros ou produtores trabalham triando as demandas levadas pelos espectadores, colegas e também pelas assessorias de imprensa. Por isso, contar com uma assessoria de imprensa é fundamental para a definição de estratégias para participar de uma entrevista na TV.

Você pode saber mais sobre o que faz um assessor de imprensa no texto:

O que é assessoria de imprensa? 

A assessoria de imprensa atua pesquisando assuntos que podem ser temas para uma possível entrevista ou reportagem de TV. É esse profissional que faz o contato com a emissora, oferecendo a sugestão de pauta. A demanda para a entrevista também pode surgir da emissora, caso o seu nome já seja conhecido. Mas para isso, há um longo caminho a percorrer. 

Além desse contato com a mídia, a assessoria também é responsável por acompanhar cada fase referente à entrevista na TV. Mas antes de chegar à entrevista propriamente dita, é fundamental estar preparado para esse momento.

Como se preparar para a entrevista na TV

Antes da entrevista, é importante ter conhecimento prévio sobre qual a temática que será abordada. Além de elaborar formas claras de passar sua mensagem, é necessário demonstrar domínio sobre a pauta. Por isso, a preparação te ajudará a ficar mais confortável frente às câmeras.

Seja natural enquanto fala e gesticula. Também é muito importante ter cuidado com a postura. Não deixe que a posição do seu corpo entre em discordância com o assunto discutido durante a entrevista. Uma dica para aliviar a tensão inicial é mentalizar um bate-papo com uma pessoa do seu dia a dia. 

Demonstre que você detém propriedade sobre o que fala, que você domina o assunto. Seja didático, para que sua mensagem seja entendida pelos mais diferentes perfis de espectadores. 

Há treinamentos específicos para incrementar a performance no contato com a imprensa. Você pode saber mais sobre isso lendo esse texto sobre Media Training.

Caso não tenha domínio sobre determinado assunto, não o ponha em pauta. Se você não sabe o que vai falar, melhor nem tentar. O  seu espectador precisa perceber segurança em sua mensagem: caso você não esteja seguro sobre ela, sua credibilidade entra em risco. E a possibilidade de você não ser chamado novamente para uma entrevista, também.

Além disso, preste muita atenção nas perguntas do entrevistador! Suas respostas dependem do direcionamento que o jornalista der à pergunta e, caso você não esteja atento, sua resposta será vazia ou destoante. 

Você pode alternar entre olhar para a câmera e para o jornalista. Olhando para a câmera você demonstrará interesse em falar “olho a olho” com o público. E olhando para o entrevistador estará mostrando atenção à pessoa com quem você fala naquele momento.

Como melhor responder em uma entrevista

Nas respostas, evite termos técnicos. Prefira falar de maneira clara, para que o telespectador não fique confuso e, muito menos, com dúvidas sobre a temática. Quanto mais difícil você fala, menos chance de prender a atenção do público você tem. Palavras muito rebuscadas tornam a conversa mais monótona.

Escolha exemplos e dados para dar veracidade ao que você está abordando. Seu argumento fica ainda mais rico com informações extras, além de transmitir um tom de credibilidade e de domínio sobre o assunto. 

Antes de responder, espere o jornalista dar a deixa. Não interrompa enquanto o repórter está falando. Além de fugir dos critérios da educação básica, essa atitude pode prejudicar a comunicação estabelecida previamente pelo profissional.

Como se apresentar para uma entrevista na TV?

Escolha um visual discreto, de modo que combine com o tema da entrevista, com o horário do programa e com o seu público-alvo. Evite cores com tons muito fortes, para não desviar a atenção de quem assiste. Opte por cores neutras e que combinem entre si. 

Ao final da entrevista, evite mencionar vínculos de amizade ou familiar com produtores ou diretores do veículo. Caso você cite a possível amizade, vai demonstrar que sua participação ali aconteceu por meio de barganha, e não por conta da sua credibilidade. 

Além disso, não peça o material ao repórter. É trabalho da assessoria de imprensa monitorar esse conteúdo por meio do clipping. Saiba mais sobre esse assunto aqui.  

Por fim, não exponha sua opinião pessoal durante a entrevista. Importante lembrar que você está sendo ouvido como um especialista no tema abordado. O que deve apresentar naquele momento são informações fundamentadas.

Dicas como essas são infalíveis para conquistar o tão sonhado sucesso em uma entrevista na TV. Para tanto, conte com o suporte de uma assessoria de imprensa eficaz e ponha em prática o que discorremos neste artigo. 

Para mais dicas assim, ou até mesmo sobre outras temáticas que dizem respeito às mais diferentes estratégias em comunicação, inscreva-se em nossa newsletter e acompanhe todos os conteúdos disponibilizados! 

 

Sobre o autor: Ângela Bezerra

Diretora da Letra A Comunicação, Ângela Bezerra é jornalista formada pela UFRN com MBA em Marketing Estratégico e é mestra em Antropologia pela UFRN. Trabalhou como repórter na Inter TV Cabugi (afiliada da Rede Globo) por 10 anos e lecionou como professora convidada na pós-graduação em Assessoria de Imprensa da Estácio. Atua há mais de 20 anos com assessoria de comunicação.

Postagens relacionadas

Voltar para o blog

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário